Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2014

Zipaquirá, na Colômbia

Imagem
Zipaquirá é uma cidadezinha que está próxima a Bogotá e é mais conhecida por abrigar a Catedral de Sal. Seu centro histórico é bem visitado e possui uma arquitetura típica dos colonizadores espanhóis. 
É possível chegar até lá de trem ou de micro ônibus, como no nosso caso. O caminho é bem bonito e vale a pena ficar acordado para apreciar (não foi o nosso caso). 
A Catedral de Zipaquirá foi construída clandestinamente dentro das minas de sal que começaram a ser exploradas desde a era pré-colombiana. É uma construção católica (sem status oficial) subterrânea (200m de profundidade) e é possível fazer vários tipos de passeios. Fizemos o comum com direito ao passeio de trem pela cidade. É bastante impressionante ver de perto o que conseguiram fazer e o mais louco é que ela é totalmente funcional, acontecem missas, batizados e até casamentos. 
No caminho até a entrada da catedral sentimos bastante a altitude - muito cansaço mesmo fazendo esforço mínimo. A dica é comprar bastante água para…

Bogotá, na Colômbia

Imagem
Já vou dizendo logo de cara que a nossa experiência em Bogotá foi incrível. E o mais louco de falar isso, é que se você for pesquisar na internet ou seguir seus instintos, provavelmente não encontrará muitos incentivos para ficar um tempinho maior pela capital.

É a maior cidade do país e está a 2.640m acima do nível do mar. Confesso que não sentimos muito os efeitos dessa altitude. A população são de pessoas extremamente simpáticas, divertidas e apaixonadas por futebol. 
A maioria das pessoas preferem apenas fazer escalas em Bogotá e se mandarem o mais rápido possível para o litoral colombiano, mas cometem um erro gigante quando fazem isso. Ficamos apenas três dias e duas noites e saímos de lá muito satisfeitas com a cidade. Talvez tenha sido porque fomos muito bem acolhidas por amigos colombianos, talvez porque as cias de viagem eram maravilhosas...eram muitos agravantes.
Minha dica é ficar ao menos três noites por lá. Nos hospedamos no Hostel La Pinta no bairro Chapinero (é simples…

Colômbia es realismo mágico

Imagem
O que dizer de um lugar onde o principal slogan de turismo é "Es realismo mágico"? Pois é, é assim que você começa a montar uma viagem para Colômbia, com esse tipo de incentivo. 
Eu sempre tive uma vontade grande de ir até Cartagena ("O amor nos tempos do Cólera" é meu livro favorito), mas confesso que não conhecia nada, apenas tinha conhecimento de alguns nomes de cidades mas não sabia nada que me fizesse pensar no tal realismo mágico. 
É sempre assim, a gente tem aquele velho preconceitinho, começa a pesquisar e descobre um país incrível e que merece muitos mais dias do que tinham sido planejados. 
A Colômbia é isso, um país com regiões super diferentes umas das outras, de climas completamente variáveis (enquanto faz um frio danado em Bogotá, faz um calor bizarro em Cartagena) e de um povo muito, mas muito, acolhedor. Acho que foi o melhor povo latino com o qual já tive contato (na verdade os peruanos estão no páreo duro). Pessoas adoráveis e apaixonantes. As mú…

Caso: E volta o cão arrependido em Montevidéu

Imagem
Da Série Cuidado na Estrada!


Nessa mesma época ano passado, eu estava com minha viagem de ano novo para o Uruguai completamente montada, reservada e super esperada. Nada melhor do que planejar essas coisas com antecedência, mas nada melhor ainda do que levar sustos durante a viagem (só que não...). 
Acho que sou muito mestre nessas auto-pegadinhas e mais uma delas aconteceu em Montevidéu. Na verdade a confusão surgiu ainda no Brasil quando decidimos vender a alma comprar os ingressos da festa de pré-réveillon Hed Kandi. Essa festa é super famosa e acontece todos os anos no dia 31/12 em Punta del Este
O plano era passar a virada em Punta, mas antes ficar alguns dias na capital Montevidéu. A Noelyza, muito crazy, deixou tudo por minha conta e eu fiz as reservas nos dois hostels. Elas foram confirmadas e estava tudo lindo e maravilhoso.
Compramos os ingressos da festa pela internet e depois de um mês, finalmente, chegaram na minha casa. Fiquei admirando aquele "passaporte da aleg…